Desenvolvimento econômico e sustentabilidade

Pensar em desenvolvimento econômico sem considerar a sustentabilidade é como pensar em respirar sem deixar o ar entrar pelas narinas.

A importância do desenvolvimento econômico é natural quando temos uma sociedade que deseja crescer economicamente, com condições de saudáveis e de bem estar.

Ao pensar que essa sociedade deseja um desenvolvimento econômico que possibilita condições de dignidade para o presente e futuro, é natural considerar que o desenvolvimento está sempre focado no futuro, e torna-se importante identificar o que poderá sustentar esse movimento e os seus resultados.

A primeira base sustentável para o desenvolvimento econômico são os valores considerados essenciais para uma sociedade, valores estes que ofertarão para o desenvolvimento sua sustentabilidade.

Esquecemos, muitas vezes, de pensar: “Em qual solo queremos investir as sementes do desenvolvimento?”.

Um solo sustentável é aquele tem espaço para os valores sólidos, e que tem afinidade com o desenvolvimento econômico daquela sociedade ou daquelas pessoas envolvidas.

Uma sociedade que compactua dos valores como: transparência, respeito, liberdade, gratidão e igualdade, possivelmente terá uma forma de construir o seu desenvolvimento econômico com uma determinada sustentação.

Uma sociedade que tem como valores: falta de transparência, individualismo, privilégios e orgulho, terá uma forma de desenvolvimento econômico e outra forma de sustentabilidade.

É possível identificarmos que alguns valores universais como: integridade, transparência, gratidão, amor, respeito, liberdade e diversos outros ofereçam uma base sustentável quando colocados em prática para ações de desenvolvimento econômico.

Sustentabilidade é um conceito de grande complexidade e também de grande importância. Antes de avançar no propósito de desenvolvimento econômico, penso que rever  a nossa hierarquia de valores ou critérios, enquanto indivíduos singulares  e depois em nossa sociedade, seria  uma atitude muito mais  sustentável e madura.

Pensar em uma sociedade que tem um desenvolvimento econômico sustentável como meta de realidade é pensar em uma sociedade que socialmente é equilibrada, emocionalmente saudável e com condições de praticar o que mantém a sustentabilidade no presente com uma visão clara de futuro.

A visão de futuro, considerando que cada ação que é desenhada no presente, está automaticamente imprimindo um esboço no futuro essa visão sistêmica, tornando qualquer ação de desenvolvimento econômico mais consciente, responsável e naturalmente sustentável!

Muitas vezes focar só no desenvolvimento econômico, torna a visão míope, e observamos o presente e o futuro imediato, o que limita um indivíduo e naturalmente uma sociedade de ter a visão sistêmica que é pilar base para sustentabilidade.

Acredito que o desenvolvimento econômico é importante, e sem dúvidas acontece de forma sustentável ou não, com agilidade ou lentidão, mas o que irá fazer a grande diferença é a sua influência no presente e seu custo.

Assim, como o reflexo no futuro pode ser muito diferente do desejado, por ausência de fatores que trariam uma solidez e, portanto, uma sustentabilidade.

Para fazer uma estratégia muito mais simples e possivelmente mais consistente, em minha opinião, a primeira etapa da estratégia seria rever a nossa base de valores como indivíduo singular e como sociedade, para a partir dessa visão, construirmos um futuro de desenvolvimento econômico com ações no presente sustentáveis pelos pilares que são os  nossos valores.

Márcia Dolores Resende.