Foco Produtivo

Foco produtivo: um método simples para alta performance!

Para toda ação de sucesso existe um componente comum, que faz a diferença para se alcançar resultados com eficácia, isto é, otimizando tempo e recursos. Mas qual é este componente?
Simples! Ele leva no nome a sua objetividade: chama-se foco. A Programação Neurolinguística estuda os padrões mentais e emocionais de profissionais que tem excelência e geram resultados. Todos eles, independentemente do perfil ou do segmento de atuação, apresentam a capacidade de ter e manter o foco em diversas situações.

Pensando na atividade e nos desafios profissionais, o que pode ser feito para ter e manter o foco e, ao mesmo tempo, realizar a gestão de todas as adversidades, da imprevisibilidade e das novas demandas que surgem?
Pode ser muito simples, basta saber exatamente o que se quer e quanto o resultado é importante para a empresa e para a sua carreira. Esta relação é direta. Naturalmente, existe uma ligação entre a função que você ocupa e a meta a ser alcançada, que refletirá automaticamente no resultado final da empresa.

Um dos fatores que limita um profissional a determinar o seu foco é considerar que com muito esforço conseguirá os resultados que gostaria! O profissional se desgasta quando deixa de determinar qual será o seu foco, mas ele pode mudar essa realidade a partir do momento em que decide qual objetivo conquistar. Dessa forma, vai conseguir proporcionar o resultado esperado pela empresa e, como consequência, para a sua carreira.

Quando algum profissional diz que sua carreira está estagnada ou que está sendo pouco utilizada ou valorizada pela empresa, a primeira pergunta que fazemos é “onde está o seu foco?”.
Quando queremos alcançar um objetivo é preciso canalizar a atenção e deixar de lado outros assuntos. Este comportamento se transforma em um compromisso que vai gerar resultado. Outro dia, recebi uma pesquisa da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, que apontava o tempo que as pessoas no ambiente profissional utilizam verdadeiramente para manter o foco no que é importante. O estudo mostrou que muito do tempo é desperdiçado com atividades pouco relevantes para os objetivos, como: pesquisa na internet, ligações pessoais, atividades menos relevantes ou conversas nos corredores…

O grande segredo para obter uma conquista é definir uma meta e seguir todas as etapas para alcançá-la, percebendo as oportunidades durante a sua jornada.

Márcia Dolores Resende.